Todo lipedema é igual?

Sabia que não existe um lipedema único? Possivelmente são vários lipedemas diferentes classificados em uma categoria só simplesmente porque ainda não foi descoberto as diferenças genéticas entre eles? Quando a doença tem características semelhantes, com sinais e sintomas semelhantes, agrupamos para que seja mais fácil identificar e tratar. Quando nos aprofundamos no conhecimento, às vezes separamos novamente essas doenças para que sejam tratadas com medidas direcionadas.
Dr Alexandre Amato, especialista em Lipedema, cirurgião vascular e endovascular do Instituto Amato (www.amato.com.br) fala sobre as características genéticas dessa doença que pode incluir ampla gama de mutações genéticas.

nv-author-image

Dr. Alexandre Amato

O Dr Alexandre Amato é médico, professor de cirurgia vascular da Universidade de Santo Amaro (UNISA), e tem quatro especialidade médicas reconhecidas pelo MEC e respectivas sociedades: cirurgião geral, cirurgião vascular, angiorradiologista e ecografista. Formou-se na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e especializou-se em vários hospitais privados e públicos em São Paulo. Aprofundou-se em cirurgia vascular em Milão, no hospital San Raffaele da Università Vita-Salute. Quando voltou, fez seu doutorado em cirurgia cardiotorácica na Universidade de São Paulo (USP). Fundou a Associação Brasileira de Lipedema para divulgar conhecimento de qualidade às mulheres portadoras de Lipedema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *